• Colégio Dinâmico

Gestão da emoção é estratégia eficaz para manter a saúde mental durante a quarentena

A pandemia da Covid-19 e suas consequências nos colocaram frente a emoções antes desconhecidas ou suprimidas, como medo, ansiedade e raiva. São sentimentos que podem ter grandes impactos na nossa vida e nem todos sabem como lidar com eles.


Mas, você sabia que é possível gerenciar essas emoções alterando pensamentos, comportamentos e sentimentos que desgastam a nossa saúde mental? A gestão emocional é algo que aprendemos ao longo da vida e pode ser benéfica não apenas para nós mesmos, mas também para colocar em prática nos relacionamentos interpessoais, em vários contextos: seja em casa, no trabalho, ou no nosso dia a dia em sociedade.

Se você tem interesse em saber mais sobre esse assunto, quero te recomendar uma leitura que irá ajudar nessa jornada. É o livro “Gestão da Emoção”, no qual o dr. Augusto Cury dá dicas para que tenhamos uma vida mais equilibrada, algo ainda mais necessário no momento em que vivemos. Veja a seguir algumas das técnicas de gestão emocional sugeridas pelo psiquiatra:

  1. Ninguém muda ninguém: querer mudar o outro pode ser frustrante. Aceite que só é possível mudar alguém se essa pessoa estiver disposta a mudar e a receber ajuda. Impor suas ideias ao outro pode ser prejudicial para você mesmo.

  2. Distribua elogios: entenda que somos pessoas imperfeitas convivendo com outras pessoas imperfeitas. Se você está tendo dificuldades no relacionamento interpessoal, tente mudar o foco: seja uma pessoa que aplaude os acertos do outro e não aquela que aponta falhas.

  3. Faça a “oração dos sábios”: você sabe o que um sábio faz quando é contrariado? Ele pratica o silêncio. Aquele que diz que “não leva desaforo para casa” não percebe que está acumulando desaforos em sua “casa mental” e esse acúmulo pode gerar ainda mais desgaste mental.

  4. Traga à sua memória aquilo que traz esperança: especialmente agora, a incerteza quanto aos próximos dias e meses pode ser muito frustrante. Por isso, é importante se esforçar para lembrar-se de bons momentos e resultados passados. Cultivar esses pensamentos fará com que você estimule sua esperança e se sinta menos ansioso.

Gostou das dicas? Então compartilhe com os amigos e familiares, ajudando-os a superarem de uma forma mais fácil este difícil momento de quarentena. Ruth Palhares Diretora do Colégio Dinâmico

1 visualização0 comentário